Caracteristicas do papel
Sentido da fibra, carga eletrostática, umidade e outros fatores do papel muitas vezes resultam em dificuldade no processo de dobra. Por isso, é importante para o profissional gráfico conhecer esses fatores e saber lidar com eles para

Este slideshow necessita de JavaScript.

não ter surpresas na hora do acabamento.

Planura do papel
A diferença de umidade entre o papel e o ar ambiente pode levar a consideráveis dificuldades. Se o papel for armazenado em condições muito úmidas ou muito secas, resultará em folhas não perfeitamente planas. Como a umidade do papel estocado só se altera muito lentamente, as variações das dimensões ocorrem ao redor das bordas, com problemas para o processo de dobra.

Quando o papel é armazenado em ar muito seco, a umidade é primeiramente retirada das bordas externas, enquanto o interior permanece praticamente inalterado. Com o encolhimento das bordas, são introduzidas tensões, as quais produzem “enrugamento”.

Se, por outro lado, a umidade do papel estocado for inferior ao do ar ambiente, a umidade é primeiramente absorvida a partir das bordas. Nesse caso, conforme as bordas aumentam de tamanho, certa “ondulação” se desenvolve.

A única solução é assegurar que o grau de umidade do papel seja compatível com o ar do ambiente.

Eletricidade estática
Quando dois materiais têm suas superfícies em contato, ocorre uma estabilização de suas cargas elétricas. Uma vez que os materiais sejam separados, as cargas retornam ao seu estado original. Entretanto, se a separação ocorrer de maneira muito rápida e um dos materiais for mau condutor, as cargas não têm tempo suficiente para esse retorno.

Ambos os materiais permanecem carregados, um positivamente e o outro negativamente. Com uma superfície de alta condutividade pode-se reduzir a energia estática, com a condutividade necessária sendo suprida pela alta umidade atmosférica atuando na superfície do material. A eletricidade estática ocorre quando o ar está seco, especialmente durante períodos mais quentes, uma vez que o papel é incapaz de se livrar da carga.

Estoques calandrados e supercalandrados são particularmente suscetíveis a cargas elétricas. No ar seco, acima de tudo, o papel se torna frágil e, quanto mais frágil ele se torna, maior a quantidade de pó produzido.

Além do problema do aumento de pó, os papéis com carga estática apresentam grande dificuldade para entrar nas bolsas.

A solução consiste em aumentar a umidade relativa do ar para 50-55% a uma temperatura ambiente de 200-230 C (680-730 F). Quando a carga eletro estática for muito elevada, a única solução é recorrer à utilização de ionizadores. Seu posicionamento mais eficiente deve ser estabelecido para a neutralização de carga, por meio de tentativas variadas de seu posicionamento em diferentes locais da dobradeira.

Sentido da fibra
Os testes a seguir podem ser usados para verificação do sentido da fibra:
sentido_da_fibra_gif_170

Teste com a Unha
As bordas laterais e do topo da peça-teste são puxadas entre as unhas dos dedos polegar e médio. A favor da fibra praticamente não ocorre alteração, porém, na direção do lado do alongamento uma ondulação é claramente visível.

fingernail_test_gif_170

Teste de Curvatura
Quando uma peça-teste quadrada é flexionada em ambas as direções, pode-se notar que há menos resistência paralelamente a fibra do que contra a mesmo.

bending_test_gif_170

Teste de Ruptura
O teste de ruptura é feito rasgando-se a folha tanto no sentido longitudinal quanto transversal. A favor da fibra a ruptura é relativamente reta. Contra a fibra, há maior resistência à ruptura e a linha resultante é menos regular.

tearing_test_gif_170
Teste de Tiras
Tiras de igual comprimento e largura são recortadas das bordas longitudinal e transversal da peça-teste e sobrepostas uma sobre a outra. Ao serem seguradas diagonalmente para cima entre os dedos polegar e indicador, a tira que está com as fibras paralelas ao comprimento da mesma irá pender levemente, enquanto que a tira que estiver com as fibras paralelas a largura (lado estreito da tira) irá pender consideravelmente. O motivo para isso é que o papel é mais resistente à dobra contra a fibra do que a favor da mesma.

strip_test_gif_170

Fonte: http://www.br.heidelberg.com

About arianepadilha.com

Adoro produção gráfica, nasci brincando em gráfica e descidi compartilhar essas coisas, existem tantas coisas tontas que mostram a vida de todo mundo, e porque não mostrar meus gostos?

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s