Gill Sans

Apresentada ao comércio em 1928 e logo apupada como representante de typographical bolchevism, a Gill Sans acabou por ser a única grotesca que se conseguir afirmar na Inglaterra contra a forte competição que lhe vinha da Alemanha – por exemplo em forma da Akzidenz Grotesk, que era a letra favorita dos bauhausianos.

Este fato é ainda mais notável se considerarmos que Eric Gill não era nenhum vanguardista em termos estéticos, mais era um tipógrafo conservador, que desenhou várias romanas serifadas de inspiração renascentista.

A Gill Sans foi a única fonte sem serifa que Eric Gill desenhou – e portanto pode ser considerada mesmo uma excepção na sua obra tipográfica.

A Gill Sans nasceu sob a influência do mestre Edward Johnston, que tinha desenhado a muito parecida London Transport. Gill admitiu a forte influência de Johnston, mas argumentou que a sua letra representava um melhoramento – na lógica dos meios de produção modernos.

Depois de alguns protótipos desenhados para a tabuleta da loja de um amigo de Gill, a primeira aplicação da Gill Sans aperfeiçoada foi na London & North Eastern Railway. Encomendada pela LNER, a Gill Sans foi usada para toda a sinalética, displays, horários e publicidade.

Em todos estes ambientes funciona bem, afirmando-se como uma fonte genuinamente universalista. Uma fonte que combina a destreza do gravador de letras lapidares com a fineza do desenho de letras caligráficas.

O uso da Gill Sans generalizou-se para todas as aplicações; como tem sido objecto de intenso revivalismo, não só a vemos em displays, anúncios e títulos, como também a encontramos com alguma frequência em textos corridos.

Hoje, a Gill Sans ainda continua forte (is still going strong), sendo especialmente bem apreciada no Reino Unido, usada pela BBC, por inúmeras outras instituições e por muitas empresas comerciais.

Leia mais em tipografos.net

About arianepadilha.com

Adoro produção gráfica, nasci brincando em gráfica e descidi compartilhar essas coisas, existem tantas coisas tontas que mostram a vida de todo mundo, e porque não mostrar meus gostos?

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s